Posts recentes

O nosso dia

A tua folha..

Onde estás?

A vida..

Com Vocês..

Escuridão..

tu e tu! amigos..

Amando..

Sentir..

Paradoxal

Vocês..

Arquivos

Junho 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Sexta-feira, 13 de Junho de 2008

O nosso dia

 Porquê? Sim, questiono-me, porquê? Porque sempre te amei, sempre fiz tudo, tudo para que tudo fosse como tu sonhavas, como querias, amor! Amo-te! Eu disse-o tantas vezes até se estragar a palavra, até perder o sentido! Amo-te todos os dias, amo-te, amo-te, amo-te, novamente, amo-te! Já não sei o que é amar! Mas por vezes perdi o sentido de “amar”, graças a ti, meu amor…

tags:
Segunda-feira, 28 de Abril de 2008

A tua folha..

Não sei pensar,

não sei escrever!

Como poderei amar,

se não me ensinaste a ler..?

 

Perco-me entre folhas..

perco-me da mão..

São puras trolhas,

o que me vai no coração!

 

Apago glórias..

despejo lágrimas,

matando memórias..

 

levanto-me da cadeira,

atiro a caneta!

Saio, deixo o texto na tua cabeceira...

 

 

tags:
Publicado por Ricardo às 17:48
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 25 de Abril de 2008

Onde estás?

Estendes-me tua mão

de suaves gestos.

És a luz, o coração,

que junta dois mundos dispersos

 

O calor de tuas linhas

partilham o pudor,

enquanto caminhas

no mais puro amor

 

Tuas linhas cessaram.

Sem esperar,

tuas mãos não mais me apertaram..

 

Faltam-me palavras!

Já não me sinto, não sou,

o mesmo que amavas...

Música: so lonely..
tags: ,
Publicado por Ricardo às 22:24
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 11 de Abril de 2008

A vida..

A vida segue
o coração bate
mas os dias passam lentamente
como se o tempo parasse
e não mais arrancasse!
Por não quereres sofrer
mas sim morrer..
sendo a única solução
encontrares outra paixão
que te ame
como jamais amarão!
Choras, sofres
gemes e soluças
e esqueces que o mundo não para
e que surgem a todo o momento
novos amores,
novas paixões!
E quando menos esperas
és tu a amares
olhares olhos nos olhos
abraçares como todo o teu amor
e lembrares que num momento, com tamanha dor
sorriste sofrendo
pensando nela,
em vocês,
mas nunca apenas em ti!
Em ti querias aquele calor humano
o carinho..
sorriso sentido
que não era mais que um porto de abrigo
onde abrigar tuas memórias
de tão longas vagas de lágrimas,
sentindo o tremor
o medo,
a dor,
desse amor
que um dia acabaria precocemente
em que o forte rochedo
se transformaria
num peso constante na minha mente...
tags:

Com Vocês..

É um sentimento inocente
uma mão por perto
um ombro presente!
Mas ninguém sabe ao certo..
Será uma paixão?
Uma simples escolha
um amigo verdadeiro
para dizer "Não!"
Não, a lágrima não corre, não molha..
Os anos passam..e continuam..
A isto chamo um companheiro!
Daqueles que perduram...
tags:
Domingo, 16 de Março de 2008

Escuridão..

Estou aqui..
no escuro
longe de ti
perdido
e sozinho..
Não sei que caminho percorri!
um caminho proibido
perigoso...
Já não sei
Quero fugir!
Sair! Não ser o nada!
porquê??
Sempre foste amada..
Não te culpes
o culpado sempre foi eu
eu!
penso que a vida continua..
ninguém morreu...






tags:
Sábado, 15 de Março de 2008

tu e tu! amigos..

Passando lentamente
por estes dias
penso e sonho
em vos ter comigo
um abraço
um amigo
sempre na mente
ao alcance da mão
ausente
mas presente no coração
risos e carinho
é o que quero
e espero!
é longo o caminho
tão distantes..
mas não desespero!
e voltará a ser tudo como antes!


tags:
Publicado por Ricardo às 00:22
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Sexta-feira, 14 de Março de 2008

Amando..

Já amaste?
A felicidade no amor
é o sofrimento da dor
algo que não se controla
apenas se sente
apenas se chora..
não há nada a fazer
ninguém nos pode ajudar!
Querer desaparecer..
para não mais amar..
Te amar é felicidade
te perder a morte
é esta a verdade
que nunca escondi
e sempre vivi
este amor forte
que existe
e não desaparece!
Porque preciso de ti..
da tua boca sempre ouvi
"Quero-te junto a mim"
Fiquei mas foste embora
Porquê?? Quando precisavas sempre vim
apoiei e adorei! Tiveste tudo isto de mim
porque sempre te amei...
tags:

Sentir..

Sinto, sentindo sei que é um sentimento deveras diferente, fortemente sentido! Mas, que sentido terá sentir? Sentimos por sentir??  Ou necessitamos sentir?? Que sentimento é?
Certamente sei que Sinto..
Publicado por Ricardo às 00:29
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Paradoxal

Sento-me nesta cadeira, agarro a caneta e passo tudo o que sinto para o papel, num quarto abafado pela solidão e silêncio. Apenas ouço o "Tic-Tac" que me prende na mais pura realidade iluminada por uma pequena luz. Não há espaço para divagações.. sinto uma felicidade triste, um paradoxo, tal como a maioria dessas vidas perdidas no nada, sem nada, querendo o nada..
Questiono-me sobre diversos assuntos e chego sempre á mesma conclusão: num mundo, num universo, não somos ninguém e somos alguém! Num universo sem barreiras somos o nada, invisíveis, mais que insignificantes e somos alguém para alguém! Somos a razão de viver de alguém! Andamos entre os dias que andam menos mal e os que nos correm bem! Andamos tistes e contentes pq? Será a nossa vida realmente um paradoxo? Se a nossa vida realmente o é, ou não, não podemos esquecer o único facto que é realidade! Vivemos, lutamos, sofremos, mas no fim vencemos! A Vida é nossa e apenas tem um adjectivo: Inqualificável!  
Publicado por Ricardo às 00:07
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Terça-feira, 19 de Fevereiro de 2008

Vocês..

Sinto saudades! saudades de acordar cedo e vos ver, cumprimentar, sorrir, discutir, chorar, abraçar! Quero que estejam ao meu alcance, tal como antes. Quero vos ver diariamente, ter com quem desabafar os precalços do dia a dia e com quem passear ao fim de um dia cansativo! Sinto falta do apoio incondicional, do vosso amor, carinho e aquele brilhozinho nos olhos com que brindavam a nossa amizade! onde estão esses dias..? estamos longe, tão longe... Penso em vocês tdos os dias, desejando vos ter aqui, comigo, para que nunca deixe de ser como era! Dias magníficos passados em grupo, noites simplesmente magníficas em que o único ruído no silêncio da noite eram as nossas gargalhadas...quero voltar a viver momentos que não adorei, amei..
Publicado por Ricardo às 04:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

Hugo Brandão

Pesquisar neste blog

 

Junho 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

tags

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds